LEIA!

10 coisas que você precisa saber sobre cabelo

Raspar a cabeça fortalece os fios? Gel dá caspa? Usar boné contribui para a calvície? Especialistas tiram as dúvidas que deixam a gente de cabelo em pé.

Água quente, sol, oleosidade, estresse são alguns inimigos da sua juba

Água quente, sol, oleosidade, estresse são alguns inimigos da sua juba

Água quente, sol, oleosidade, sol e  estresse são alguns inimigos da sua juba

Ninguém concebe que, em pleno século 21, um homem não cuide e nem se preocupe com o cabelo, por achar que isso compromete a macheza. Portanto, vamos pular aquela parte em que a gente alertaria você para investir em bons produtos — xampus, loções e finalizadores — e caprichar na escolha do corte. Entretanto, sempre ficam dúvidas que deixam a gente de cabelo em pé. Lavar demais enfraquece o cabelo? Raspar a cabeça fortalece os fios? Gel dá caspa? Usar boné contribui para a calvície? Para tirar essas e outras dúvidas, fomos consultar especialistas em saúde e trato de cabelo.

LAVAR DEMAIS ENFRAQUECE O CABELO?

Nada a ver. Está liberado lavar o cabelo todo dia. Quem pratica esporte pode até lavar mais de uma vez por dia. Errado mesmo é dormir com o cabelo sujo (impregnado da gordura produzida pelas glândulas sebáceas, suor e poluição) ou com gel ou pomada. “O acúmulo de gordura provoca inflamação do couro cabeludo que pode levar à caspa e à queda”, alerta o geneticista e tricologista Luciano Barsanti, presidente da Sociedade Brasileira de Tricologia e diretor da clínica Instituto do Cabelo (SP). “Não apenas a oleosidade, mas também sujeira de poluição e restos de gel e pomada criam um ambiente propício para fungos e microorganismos que fragilizam os bulbos capilares.”  Na dúvida entre lavar ou não lavar? Lave! A coisa certa a fazer é escolher um bom xampu suave, formulado para uso diário.

ÁGUA QUENTE DEIXA O CABELO OLEOSO?

Verdade. A temperatura alta resseca o couro cabelo e provoca um efeito rebote, fazendo as glândulas sebáceas trabalharem ainda mais para compensar o ressecamento, o que aumenta a produção de sebo e a oleosidade. Nos dias frios, tome banho quente, é claro, mas ao lavar a cabeça diminua a temperatura da água.

RASPAR A CABEÇA FAZ O CABELO CRESCER MAIS FORTE?

É só impressão. Se fosse fácil assim, ninguém seria careca. Sua genética é que determina a espessura, resistência e estrutura dos fios de cabelo. É que, quando desponta, o fio é mais espesso e grosso perto da raiz (o mesmo acontece com os pelos do corpo, quando se faz depilação). Ao crescer, logo ele afina e assume sua espessura normal. Raspar a cabeça também não faz crescer fios onde eles não existem.

BONÉ FAZ O CABELO CAIR?

Até faz. Ele é acessório fundamental para proteger o rosto e o telhado do sol. E também é bom disfarce para os dias de cabelo ruim. Só não é legal usar por períodos muito prolongados, suado da academia ou com o cabelo molhado depois de lavar. “Os fios úmidos e a oleosidade atrapalham a respiração do couro cabeludo, o que pode contribuir para a queda em quem já tem o problema”, explica o cabeleireiro Ricardo Rodrigues, do salão Studio W (SP).

USAR MUITO GEL OU PASTA SUFOCA O CABELO?

Não é bem assim. Calvície e a queda estão relacionadas à genética e a outros problemas sem relação com nenhum tipo de produto para cabelo. Entretanto, o acúmulo dos resíduos de finalizadores pode obstruir os folículos capilares, enfraquecer os fios e comprometer a saúde capilar. Uma boa chuveirada antes de ir para a cama elimina os restos que podem prejudicar o cabelo. Nenhum finalizador, porém, deve deixar seu cabelo seco como palha. Escolha produtos sem álcool, com ingredientes que fortalecem os fios (existem vários produtos bacanas que fazem isso). Por isso, vale a pena investir um pouco a mais nas marcas de qualidade (algumas são vendidas exclusivamente em salões). Outro cuidado bom para quem sempre passa gel ou pomada é usar de vez em quando xampu anti-resíduos, que faz uma faxina profunda no couro cabeludo.

GEL PROVOCA CASPA?

Nem gel, nem pomada, pasta, cera ou musse. A caspa é uma doença do couro cabeludo causada por fungos, que causam descamação, e ainda não se sabe muito bem porque certas pessoas têm mais propensão a apresentar o problema. Nenhum produto é capaz de fazer você ter caspa; no máximo, pode contribuir para o problema, pelo acúmulo de resíduos no couro cabeludo.  No caso do gel, depois de seco ele deixa resíduos quando você passa os dedos pelos fios. Daí a impressão de que isso é caspa.

SOL E ÁGUA DO MAR DETONAM O CABELO?

Basta ver a juba dos surfistas. A radiação solar e a água do mar (por causa do sal) e da piscina (pela ação do cloro) ressecam e desidratam os fios. Por isso, na praia não é frescura usar protetor solar para cabelo. “Há várias opções para escolher, em spray, óleo ou creme”, diz o cabeleireiro Ricardo Rodrigues, do salão Studio W (SP). Uma alternativa é usar xampus e condicionadores que prometem no rótulo “ação hidratante profunda”.

ESTRESSE E DEPRESSÃO CAUSAM QUEDA?

Infelizmente, é verdade. Mais de 80% dos pacientes das clínicas capilares apresentam níveis elevados de estresse, ansiedade, fadiga e depressão, diz Luciano Barsanti. Os vilões são os hormônios associados ao estresse (como o fator liberador de corticotrofina, CRF em inglês), que também agem sobre os folículos do couro cabeludo. “Cerca de 10% dos casos de queda de cabelo têm fundo psicológico e emocional”, diz o especialista. A causa do enfraquecimento dos fios pode ser não apenas alto nível de estresse crônico, mas também o agudo, provocado por eventos traumáticos como demissão, divórcio e morte em família. Essa relação entre calvície e tensão é tão conhecida que, hoje, os especialistasem queda de cabelo receitam ioga, acupuntura, técnicas de respiração e medicamentos fitoterápicos aos pacientes.

ALIMENTAÇÃO RUIM PREJUDICA O CABELO?

Que parte do seu corpo funciona bem se você come mal? Não seria diferente com o cabelo. As células dos bulbos capilares se multiplicam de forma rápida e intensa (por isso o cabelo cresce) e precisam se alimentar bem para esse trabalho. Uma dieta deficiente não fornece nutrientes com qualidade e quantidade suficientes para o desenvolvimento normal dos fios. “Hoje, pacientes que procuram as clínicas de cabelo saem também com uma reorientação alimentar voltada especificamente para a saúde do cabelo”, diz Luciano Barsanti. Para garantir a força da sua cabeleira você precisa de proteínas (presentes na soja, carne bovina, peixe, frango, laticínios e clara de ovo); ferro e sais minerais (encontrados na carne, soja, leguminosas como o feijão e nas folhas verde-escuras, como a couve) e vitaminas do complexo B, principalmente a B5 e a B6 (elas estão nos legumes, carne bovina e levedo de cerveja).

CIGARRO E ÁLCOOL CONTRIBUEM PARA A CALVÍCIE?

É fato, mas se abusar do copo e do cinzeiro automaticamente fizesse cair cabelo, os Rolling Stones certamente teriam sido carecas muito cedo. A relação não é de causa e efeito, mas fumo e birita podem agravar o problema da queda em quem já tem tendência. “A nicotina exerce efeito vasoconstritor que estreita as artérias e prejudica o fluxo de sangue até os bulbos capilares, onde nascem os fios, comprometendo sua nutrição e oxigenação”, explica o tricologista Luciano Barsanti. O excesso de álcool, por sua vez, provoca uma espécie de intoxicação celular que chega até os bulbos capilares.

8 Comments on 10 coisas que você precisa saber sobre cabelo

  1. Tenho cabelo ondulado e estou deixando crescer, não tenho tendência a ser calvo, minha mãe tem cabelo ondulado também e meio pai é crespo (meu irmão puxou meu pai), porém quando olho no espelho depois de lavar o cabelo após o banho vejo que em cima minha cabeça dá para ver o casco, na frente ou atrás é grande, na frente já está chegando no nariz os fios, mas em cima, mais focado ao meio parece que cortaram na tesoura meu cabelo só em uma parte.
    Sabe se isso é normal?

    • Olá, Leon. Se você não tem tendência à queda de cabelo,s erá que seu cabelo não é fino demais? E por isso “aparecem” os buracos depois do banho?

  2. Congratulações ! Estou pesquisando na Web, mas ainda não encontrei nada referente a idéia de que raspar a cabeça ou cortar o cabelo, ajuda a manter nutrientes importantes no corpo, principalmente se v. tem o hábito de lavar os cabelos com frequência. Eu acredito que isso realmente aconteçe, principalmente no que toca as vitaminas lipossolúveis, já que ele fica engordurado com muita rapidez. Quem souber de alguma informação nesse sentido, por favor, me diga (laertefavero@gmail.com).

    • Oi, Laerte. Nada a ver. Não tem relação nenhuma a frequência de lavagem, raspar ou deixar o cabelo comprido com manter nutrientes no corpo. Abraço

  3. meu cabelo esta caindo muito e meu cabelo é muito oleoso com muita caspa isso é o motivo dele estar caindo com a raiz ? e esses cabelo que caiu pode voltar ou meu cabelo vai ficar com o volume reduzido?

  4. Olá, gostaria de saber se quando deixo o cabelo crescer tenho q deixar crescer dos lados tbm
    Ou somente em cima
    Ele caira para os lados
    Obg

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*



Por favor, espere...

Quer receber dicas sobre cuidados com barba, cabelo e pele e as novidades em perfumes e produtos masculinos?

Inscreva-se com seu e-mail e receba nossa newsletter