Dá para fazer a barba crescer mais rápido? - Homem no Espelho - O site de cuidados masculinos mais lido do Brasil
LEIA!

Dá para fazer a barba crescer mais rápido?

Muitos caras querem fazer a barba crescer mais rápido ou que ela fique mais cheia e cerrada. Então fomos consultar um especialista para ver o que realmente funciona e o que é perda de tempo (e dinheiro).

Por Wilson Weigl

O Homem No Espelho recebe dúvidas de leitores o tempo todo, mas duas ganham de goleada. Muitos caras querem saber como fazer a barba crescer mais rápido e se tem jeito de deixar a barba rala e falhada mais cheia e cerrada. É aquela vontade de ter uma barba de responsa e só ver no espelho uma pelagem. E como sempre surgem novidades em cosméticos e tratamentos masculinos, fomos consultar um dos maiores conhecedores da área, Luciano Barsanti, dermatologista e tricologista (especialista em cabelo), presidente da Sociedade Brasileira de Tricologia e diretor da clínica Instituto do Cabelo (SP).

Ele explicou para a gente o que funciona e o que não funciona para estimular o crescimento dos pelos. Mas antes, achamos bom alertar que a quantidade e espessura dos fios, seja no rosto ou na cabeça, é determinada principalmente pela herança genética (tanto que a calvície de origem hereditária é a mais difícil de reverter). E também a quantidade de fios de barba não têm relação com o cabelo. Até porque muitos caras têm juba cheia, mas só penugem facial.

Se você está mesmo muito a fim de ter mais pelos na barba, o ideal é procurar um especialista para descobrir a origem da questão de uma vez por todas. “O médico pode orientar o paciente com problemas de barba que possam ser causados por anemia, diabetes, micoses, infecções, dermatites ou alergias”, diz Barsanti.

Então confira a avaliação do doutor para todas as táticas de crescimento da barba que a gente ouve por aí.

O QUE REALMENTE FUNCIONA?

  • USO DE MEDICAMENTOS

O minoxidil é um remédio usado no tratamento de hipertensão que mostrou efeito também no crescimento capilar e começou a ser oferecido em forma de loção para cabelo. Em muitos casos, dá resultado também nos pelos faciais. Por dilatar as artérias sanguíneas, ele melhora a irrigação dos folículos capilares, estimulando o crescimento dos fios. Mas só pode ser usado sob prescrição médica (até porque só é vendido com receita). “O minoxidil é um medicamento de uso contínuo; ao interromper o uso perde-se o resultado de melhora”, explica Barsanti.

  • TRATAMENTOS EM CONSULTÓRIO MÉDICO

Nenhum tratamento médico é milagroso e fazer você sair do consultório com uma barba ultracheia e cerrada. Mas os procedimentos dermatológicos evoluem a cada dia também no crescimento dos pelos faciais. Entre os procedimentos indicados para esse fim estão a aplicação no rosto de laser (estimula a multiplicação celular dos folículos pilosos da barba com bons resultados de fortalecimento), a ionização dos folículos da barba com aparelho específico e o uso de substâncias anti-inflamatórias (o aparelho libera uma corrente que facilita a absorção pela pele de produtos que combatem inflamações nas raízes dos pelos).

E quanto tempo demora o tratamento? “Recomendo a combinação desses procedimentos com sessões quinzenais de 30 minutos durante 6 meses (ou seja, ao todo 12 sessões). “São ações que não doem, não têm nenhuma contra-indicação e usam apenas substâncias fitoterápicas (à base de plantas) que estimulam o nascimento dos fios”, explica o doutor Barsanti.

  • ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

O que você come influencia o crescimento saudável da barba (e também o do cabelo), porque a deficiência de nutrientes pode comprometer a saúde capilar. É preciso adotar uma dieta rica em vitaminas do grupo B (onde está a biotina, vitamina que estimula o crescimento celular), vitamina C (que age contra os radicais livres, oxidantes que danificam o cabelo e a pele), sais minerais como zinco (nutriente essencial para a saúde dos folículos capilares) e ferro (fundamental para as células) e ômegas 3 e 6 (ácidos graxos essenciais que mantém a força, a elasticidade e o brilho do cabelo).

Coma muitas frutas, legumes, folhas verdes, cereais integrais, sementes oleaginosas (castanhas, nozes etc), carnes magras e peixes de água fria, como o salmão. Você pode optar pelos suplementos de farmácia, mas a melhor tática é obter os nutrientes consumindo alimentos frescos. Para saber os alimentos em que você encontra todos esses nutrientes, leia o post completo clicando aqui.

  • BEBER MUITA ÁGUA

Manter uma alimentação saudável é fundamental, mas você precisa também beber muito líquido (cerveja e coca-cola não contam) para ter barba e cabelo fortes. A hidratação colabora na irrigação sanguínea da pele e do couro cabeludo, o que estimula o crescimento dos pelos.

Beba vários copos de água por dia, mesmo que não sinta sede. Quando você sente sede é sinal de que seu corpo já está ficando desidratado.

  • DIMINUIR O ESTRESSE

“O estresse pode causar uma doença chamada alopecia areata da barba, que provoca o rareamento dos fios em áreas localizadas ou até mesmo provocar ausência total da barba”, explica o doutor Barsanti. Segundo o médico, 10% dos casos de queda de cabelo são causados por estresse crônico ou repentino (provocado por um trauma, como a perda do emprego ou de uma pessoa querida, por exemplo).

Por isso, procure manter a cabeça mais fresca, faça exercício, descanse, durma suficientes horas de sono para recuperar seu corpo e tire sempre um tempo para relaxar e fazer atividades prazerosas.

 

O QUE NÃO FUNCIONA

  • MASSAGEM NO ROSTO

Dizem por aí que massagear o rosto (inclusive usando óleos essenciais, como o de eucalipto) estimula o crescimento da barba. Bobagem. “A massagem não ajuda em nada. Pelo contrário, se for feita com exagero e de forma intensa, pode aumentar a oleosidade do rosto e espalhar infecções”, alerta o médico. “Também não há qualquer evidência que o óleo de eucalipto seja ativo no crescimento da barba e seu uso pode causar alergia em pessoas sensíveis.”

Portanto, massagem no rosto só se for carinho da sua cara-metade.

  • ESFOLIAÇÃO INTENSA

A esfoliação do rosto, feita em casa uma ou duas vezes por semana, limpa a pele, ajuda a retirar as células mortas e abrir caminho para o surgimento de novas em folha. “Mas esfoliar o rosto exageradamente não funciona para ativar os folículos da barba e diminui a proteção natural da pele, facilitando infecções e micoses”, alerta o médico. Segundo Barsanti, a esfoliação frequente só é indicada em casos específicos, como na dermatite seborreica (que também dá na barba), e não deve ser realizada sem a devida orientação do médico.

“Evite também lavar o rosto com sabonete repetidamente, para não estimular a oleosidade da pele, e use sempre água fria”, ensina o especialista.

  • COSMÉTICOS QUE FAZEM A BARBA CRESCER

Basta dar um Google para descobrir um monte de truques e sugestões de produtos para fazer a barba crescer. Tem até receita de “shampoo bomba” para fazer em casa. Você encontra também opções de cosméticos (shampoos, cremes e óleos) de marcas aparentemente bacanas que contêm ativos que estimulam o crescimento da barba. Mas será que funcionam? Não, segundo o médico. Eles podem conter substâncias que deixam a pele ou os pelos mais nutridos, hidratados e saudáveis, mas não têm ação sobre o desenvolvimento da barba. “Não me parecem ser produtos desonestos, porém com certeza são de ação puramente estética”, diz o doutor Barsanti.

Por favor, espere...

Quer receber dicas sobre cuidados com barba, cabelo e pele e as novidades em perfumes e produtos masculinos?

Inscreva-se com seu e-mail e receba nossa newsletter