Por que você busca um relacionamento sério mas continua solteiro?

Muitos caras procuram sua alma gêmea, a tampa da sua panela, mas não acham ninguém a fim de relação séria. Será que as pessoas estão exigentes demais ou só querem diversão? 

Homem No Espelho - Homens solteiros - relacionamento sério - par perfeito - sites e aplicativos de relacionamento

Por Wilson Weigl

Pque tanta gente procura (ou diz que procura) sua cara-metade, sua alma gêmea, a tampa da sua panela, e não encontra de jeito nenhum? Se antigamente era preciso “trombar” com a pessoa na balada, na faculdade, no trabalho, hoje os aplicativos e sites de relacionamento facilitaram muito a tarefa. Não é meio caminho andado, antes de ver ao vivo a pessoa, já conhecer seus gostos, suas preferências (até sexuais), sua rotina? Ver fotos de rosto, de corpo (nudes até), antes de ir ao encontro?

Pois mesmo assim 75% dos homens e 88% das mulheres brasileiros acham que está muito difícil encontrar alguém para uma relação séria, segundo pesquisa do site ParPerfeito. Será que as pessoas estão exigentes demais? Impacientes demais para investir tempo conhecendo a outra pessoa? Intolerantes até com os pequenos defeitos dos outros? Ou só estão a fim de diversão, com outro “match” do app já engatilhado?

Pesquisa feita no Brasil pelo Instituto Ipsos, empresa internacional de inteligência de mercado, mostrou que mais da metade dos brasileiros (54%) estão solteiros. O ParPerfeito aproveitou o Dia dos Solteiros (15 de agosto) para divulgar uma pesquisa própria, feita com 776 solteiros online (64% homens e 36% mulheres), que mostrou que muita gente não tem nada a comemorar na data. Os entrevistados dizem estar dispostos a sair da “solteirice” e engatar um relacionamento, mas não conseguem. Eles revelaram também as desculpas mais usadas por quem não está interessado em levar a relação adiante.

Só para situar, o ParPerfeito, fundado em 2000, faz parte do Match Group LatAm, gigante internacional do relacionamento online, com um amplo portfólio onde estão também: Tinder, líder mundial que dispensa apresentações; OurTime, especializado em pessoas acima de 50 anos; Divino Amor, voltado a evangélicos; Match.com, maior site de relacionamento da América Latina; SingleParentMeet, especializado em pessoas solteiras com filhos; G Encontros, voltado ao público masculino gay; Femme, para mulheres que buscam mulheres ou querem conhecer novas pessoas.

“A vida de solteiro traz uma liberdade de escolhas tão boa que, para deixá-la, é preciso encontrar alguém realmente especial. Quando você decide construir um relacionamento afetivo, ganha por um lado mas pode perder algumas coisas também. O problema é que hoje ninguém quer abrir mão de nada em prol do outro”, analisa Marina Simas, consultora de relacionamento do ParPerfeito.

Muitas pessoas têm grande dificuldade em aceitar o “pacote completo” alheio, suas diferenças, defeitos, valores e interesses. Isso sempre aconteceu, mas hoje o problema se acentuou. “Busca-se sempre por mais, e de forma fácil e rápida”, explica Marina. Encontrar alguém desse jeito imediatista, sem dispender muita energia, é o grande apelo da internet (que o digam os aplicativos de sexo). “A convivência é um exercício para as duas pessoas. É preciso diálogo e paciência para criar uma relação sólida”, diz a consultora.

O medo da rejeição é outro obstáculo. “A afetividade tem que ser maior do que o medo, que hoje é um fator bastante presente. Existe o receio de não preencher as expectativas alheias, de se frustrar, de ser rejeitado ou abandonado”, afirma Marina.

Para evitar todas as armadilhas, segundo a consultora, o primeiro passo é tomar uma verdadeira decisão interna: querer mesmo encontrar alguém e se dispor a investir tempo e energia no projeto. Você não vai desvendar o universo de uma pessoa em um, dois encontros. Se você já descobriu um defeito no prospect, dê tempo para avaliar se ele ou ela não tem qualidades que tornam desimportante o tal defeito. Dê uma chance à pessoa antes de passar para o próximo “match” no aplicativo.

Encontrou alguém bacana? Foque e dedique esforço na construção da relação num nível de intensidade suficiente para estabelecer projetos comuns e, quem sabe, construir uma história. ”Saia do seu mundo individual em prol do conjugal. Isso exige conhecer o outro e projetar um cenário que tenha a cara de ambos”, salienta a consultora.

Os solteiros querem mesmo engatar um relacionamento sério?

Sim, segundo a maior parte das respostas! Porém 74% dos homens e 88% das mulheres avaliam que está muito difícil encontrar alguém especial. Mas qual atributo define essa pessoa especial? Tanto para eles (79%) quanto para elas (76%) companheirismo é o principal atributo que buscam em um pretendente.

Onde prospectar e buscar pretendentes?

Essa tá fácil! 91% dos homens e 72% das mulheres afirmam que sites e apps de relacionamento são uma mão na roda para buscar um relacionamento que possa evoluir e se tornar sério. Isso porque acreditam na possibilidade de conhecer melhor a pessoa antes do primeiro encontro e conversar bastante para entender se possuem valores e gostos em comum.

Entre os homens, 42% preferem esse meio porque acham maior a probabilidade de encontrar o par ideal por conta das ferramentas para auxiliar essa busca. Das mulheres, 52% concordam que os filtros facilitam a busca e propiciam mais oportunidades de conhecer pessoas adequadas ao seu perfil.

O medo de ser rejeitado atrapalha?

Mergulhar na relação e quebrar a cara é um pavor coletivo. “A afetividade tem que ser maior do que o medo, pois a insegurança hoje pesa muito. As pessoas têm receio de não preencher a expectativa do outro e, por isso, se frustrar, ser rejeitado ou abandonado”, afirma Marina. Quer dizer, é comum começar uma relação com um pé atrás, com medo de se entregar, se envolver e tomar um pé na bunda do nada, só por não preencher as tais “expectativas” alheias.

As desculpas continuam esfarrapadas?

Sim, a lenga-lenga continua a mesma. Quando se interessam por alguém que não está disposto a engatar um relacionamento, os solteiros ouvem sempre as mesmas coisas, tanto dos homens quanto das mulheres. “Você não é a pessoa certa” ou “Não estou preparado(a) para um relacionamento agora”, são as desculpas mais comuns. Ok, a primeira é direta e reta e pode ser honesta você pode sair com uma pessoa duas, dez, trinta vezes até descobrir que ela definitivamente não é sua alma gêmea. A segunda desculpa carece de criatividade a réplica seria: “se você não está preparado para uma relação, por que quis sair comigo?”.

Confira abaixo os quadros dos resultados da pesquisa do ParPerfeito.

Atualmente está difícil encontrar alguém que busca um relacionamento sério?   

HOMENS  
Sim, muito difícil 74%
Não acredito que seja difícil 16%
Não é regra porque depende muito da época do ano 9%

 

MULHERES
Sim, muito difícil 88%
Não acredito que seja difícil 12%

 

Sites de relacionamento e apps te ajudam a buscar um relacionamento sério? 

HOMENS 
Sim, tornam isso muito mais fácil 91%
Não 9%

 

MULHERES
Sim, tornam isso muito mais fácil 72%
Não 28%

 

Quais desculpas você costuma ouvir para não engatar em um relacionamento sério?   

HOMENS
Estou buscando a pessoa certa para entrar em um relacionamento 37%
Não estou preparado(a) para engatar em um novo relacionamento sério agora 33%
Tive um trauma com um antigo relacionamento e ainda não superei 16%
Não é você, sou eu 14%

 

MULHERES
Estou buscando a pessoa certa para entrar em um relacionamento 52%
Não estou preparado(a) para engatar em um novo relacionamento sério agora 28%
Não é você, sou eu 12%
Tive um trauma com um antigo relacionamento e ainda não superei 8%

 

 Quais as vantagens de usar um site de relacionamento para engatar um romance? 

HOMENS            
Probabilidade de encontrar a pessoa ideal 42%
Oportunidade de conhecer pessoas adequadas a seu perfil 30%
Praticidade de fazer tudo online 28%

 

MULHERES
Oportunidade de conhecer pessoas adequadas a seu perfil 52%
Probabilidade de encontrar a pessoa ideal 32%
Praticidade de fazer tudo online 16%

https://www.instagram.com/homemnoespelho/ 

 

2 Comentário

  1. Realmente. Eu recomendo, como passo inicial, que voce faca a felicidade nascer dentro de voce por meio do autoconhecimento. De repente tudo comeca a valer a pena. Serio, acredite. Ser apaixonado pela vida e um perfume da melhor fragrancia. E a joia que nao se precifica. Assim que essa felicidade pelo viver brotar ai dentro e for verdadeira, vai alcancar o outro. Dai a partilha. Dai o amor. Nasce, neste instante, a parceria.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.