Perfume: como escolher a fragrância ideal para você

Escolher um novo perfume não é fácil, em meio a tantas opções de lançamentos. Descubra as pistas para eleger o melhor perfume para você. 

Por Wilson Weigl / Modelo: Deivid Gesswein

Foi-se o tempo em que os homens se apegavam a uma única marca de perfume e usavam a vida toda, como uma espécie de assinatura pessoal. Hoje temos vários frascos e usamos cada tipo segundo nosso estado de espírito, a intenção e a ocasião (trabalho, festa, churrasco, balada). Só que entre tantos lançamentos, não é fácil escolher o melhor perfume. A gente fica atraído por uma novidade, mas não sabe se o perfume é bom e combina com nosso gosto e estilo.

Avaliar um novo perfume às vezes é tarefa de juntar informações, aqui e ali, antes de se decidir a passar o cartão de crédito. Confira algumas pistas para escolher um perfume bem legal para você.

Decifre a mensagem do nome do perfume

Existe uma regra (não muito rígida) que diz que fragrâncias leves e frescas são ideais para o dia e o trabalho, enquanto as mais encorpadas e sofisticadas combinam melhor com a noite. Muitos perfumes, porém, já têm no nome uma pista de sua indicação de uso, diurno ou noturno. Na hora de comprar, pense primeiro que tipo de perfume você busca.

  • Sport: em geral são perfumes mais frescos, com notas mais leves e energéticas, como as cítricas (limão, bergamota, laranja) e de ervas (menta, hortelã, lavanda, alecrim, sálvia).
  • Aqua ou Blue: por remeter à água e esportes aquáticos, também são leves e costumam levar notas cítricas, de ervas e marinhas, como relva, orvalho etc.
  • Summer: sempre é uma versão mais leve do perfume original, criado para os meses quentes, com adição de notas refrescantes, cítricas e aquáticas.
  • Intense ou Black: são mais encorpados e têm notas bem masculinas, como tabaco e couro, aliadas a especiarias (canela, cravo, noz-moscada, pimenta) e reforço nas madeiras (cedro, sândalo, pinho, musgo, âmbar). Estas últimas estão quase sempre presentes nos perfumes masculinos.
  • Night (ou Nuit, em francês): o nome indica que a fragrância é ideal para encontros noturnos, festas e baladas e que tem notas intensas e sofisticadas na composição.

Siga a pista do perfume que você conhece

As composições dos perfumes são verdadeiros segredos de estado. Os perfumistas criam fórmulas únicas, que às vezes levam dezenas de notas diferentes para compor o cheiro final. Mas os perfumes de uma mesma marca quase nunca são radicalmente diferentes entre si e seguem a linha olfativa característica daquela marca. Algumas marcas também lançam os chamados flankers, que são variações de uma fragrância original. Surgem as versões “colônia”, “intensa”, “parfum”, “black” etc. Se você é fã de um determinado perfume, as variações dele dificilmente vão decepcioná-lo.

Use bem o nariz na hora de escolher e comparar

Ao comprar na perfumaria, sinta o cheiro do o perfume no tester, o frasco que a loja deixa aberto para esse fim. Aplique nas fitas de papel, nunca em você mesmo, se for experimentar três, cinco, dez fragrâncias diferentes (imagine seu estado no fim da empreitada). Atenção: depois de cheirar uns três perfumes seguidos seu olfato já fica embolado: é o que se chama de estresse olfativo.

Outro ponto importante é que os perfumes têm três estágios de cheiro, que mudam ao longo do tempo: o primeiro logo que é espirrado; um segundo que se manifesta uma meia hora depois; e um terceiro, mais duradouro, que se estende pelo tempo todo em que você estiver usando a fragrância. Portanto, o cheiro do perfume no primeiro momento não vai ser o mesmo depois de duas horas.

Comprar pela internet fica um pouco mais complicado, mas existem maneiras de fazer boas escolhas juntando o maior número de informações possíveis sobre o perfume. Clique aqui para ler o post.

A publicidade do perfume dá algumas pistas…

O marketing do perfume já revela se ele é clássico ou ousado, esportivo ou sofisticado, mais tradicional ou criado para marcar presença. Como perfume é só perfume, para atrair o consumidor e se diferenciar da concorrência a publicidade agrega ao produto qualidades difíceis de caber num vidro. O anúncio atribui ao perfume ao poder de fazer você parecer “vencedor”, “determinado”, “aventureiro”, “ousado” ou “sexy”. É subjetivo, mas até pode ser verdade! Fragrâncias são grandes aliadas masculinas para elevar a autoestima, ganhar confiança e aumentar o poder de atração.

O cara da foto revela a quem se destina o perfume

Outra decisão mercadológica que envolve muito dinheiro é a escolha do homem que vai representar o consumidor-alvo nas campanhas publicitárias e eventos. O objetivo é fazer a pessoa se identificar com estilo do “embaixador” ou “rosto” da fragrância. Essa escolha dá uma pista se o perfume é destinado a um homem clássico ou mais esportivo, por exemplo. É um piloto de Fórmula 1? Jogador de futebol? Ator famoso? Modelo bonitão? O que ele veste também pode ser uma indicação de uso do perfume: terno, regata ou está sem camisa? O objetivo é seduzir? Ele tem uma mulher do lado? Ou duas? Cada detalhe é pensado para evocar o universo ao que o consumidor aspira pertencer. E você, se identifica com o cara da foto?

Identifique-se com o perfumes dos outros homens

Nada de sair por aí cheirando seus colegas de trabalho, mas se você gostar do perfume que outro homem usa, não sinta vergonha de perguntar a marca. Apenas fique sabendo que o perfume reage de forma diferente em cada tipo de pele. Mas geralmente a diferença não é tão marcante assim. O perfume que cai bem no seu amigo tem grandes chances de também cair bem em você.

https://www.instagram.com/homemnoespelho/

2 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.